#”Dicas de organização para facilitar a sua vida” por Manuela Nunes

Voltar

#”Dicas de organização para facilitar a sua vida” por Manuela Nunes

Organização | dicas de organização

As Lojas DeBORLA convidaram a arquiteta e personal organizer Manuela Nunes a passar o seu testemunho de anos de estudo sobre a arte da organização que facilita a vida de todos os dias.

E aquilo que parece tão complicado, torna-se tão simples com os facilitadores de organização, sejam caixas de arrumação, cabides, organizadores de gavetas, e entre muitas outras sugestões, algumas dicas comportamentais que uma vez incutidas na rotina diária, transformam as nossas casas em espaços vividos com uma organização saudável e visivelmente agradável.

E quando podemos tirar muito mais partido e prazer da nossa casa, vale sempre o esforço!

 

Assim, e na primeira pessoa pelo saber de quem sabe, Manuela Nunes, deixa-nos breves dicas de organização para facilitar a sua vida.

 

“Um armário bem organizado é o melhor para começar o dia: não só as manhãs correm melhor, como as suas opções de roupa parecem ilimitadas.

Se o seu roupeiro está de tal forma caótico que já não consegue encontrar nada, aproveite a mudança de estação e deite mãos à obra. Com motivação e algum tempo investido, tornará a sua vida mais organizada e o seu dia a dia muito mais prático.

É fundamental que, antes de deitar mãos à obra, planeie o que vai fazer e saiba o tempo que pode dedicar a fazer a organização. Experimente algumas dessas ideias para aproveitar ao máximo o seu espaço.

Não retire do armário tudo de uma só vez, faça a pouco e pouco para não desanimar e desistir a meio. Comece por exemplo, pelas gavetas, fazendo uma de cada vez.

Comece por separar o que retirou do armário em várias pilhas: o que usa, o que não gosta ou não usa, o que pertence a outro local, o que está estragado, o que vai doar, etc.

De seguida, divida a pilha de roupa que usa por tipo. Blusa com blusa. Calça com calça. Vestido com vestido.

Quando colocar as roupas no armário, por exemplo as blusas, coloque por ordem de tamanho de manga (da mais curta para a mais comprida) ou de cor (da mais clara para a mais escura). Não sabe como? Pense na sequência de cores de uma caixa de lápis de cor.

Os estampados podem ser intercalados ou colocados juntos no fim. O armário fica visualmente mais bonito e facilmente encontra a peça que precisa.

 

Roupa:

– Use cabides adequados a cada tipo de roupa para não deixar marcas no tecido e se possível, padronizados. O ideal será, pendurar no máximo 2 peças em cada cabide.

–  Pendure as roupas com a frente para um único lado e com o gancho do cabide voltado para dentro do armário.

–  Na falta de gavetas, use organizadores de sapatos de porta para guardar roupa interior, lenços, cintos, etc.

–  Para roupas volumosas use organizadores de sapatos para varão.

 

Calçado:

–  Se possível, guardar o calçado num armário separado.

–  Separe por tipo: sapatos, botins, botas, sapatilhas, sandálias, etc.

–  Se colocar na prateleira o calçado lado a lado mas com um pé virado para a frente e o outro pé virado para trás, consegue armazenar mais.

–  As botas de cano alto devem ter enchimento no interior para não deformarem, pode usar uma garrafa vazia de plástico ou “esparguete de piscina” cortado.

–  Use caixas transparentes para guardar o calçado mais delicado.

–  Não esquecer de limpar e deixar secar bem o calçado antes de o guardar no armário.

 

Carteiras:

–  Separe as carteiras do dia a dia das que são usadas ocasionalmente e organize-as por tipo, tamanho, cor ou como fizer sentido para si.

–  Colocar enchimento dentro das malas para não deformar, pode ser uma pequena almofada ou plástico bolha. Evite o papel.

–  Não esquecer de manter as malas limpas e hidratadas. Também é importante que tenham um saquinho de sílica gel no interior, para não ficarem com bolor.

 

Dicas: 

–  Use e abuse de caixas e cestos para organizar. Para as áreas de casa de banho e cozinha, as opções de plástico são as melhores por causa da humidade.

–  Pendure ganchos dentro do armário para aumentar o espaço de armazenamento

–  Não se esqueça de identificar na caixa o que colocou no seu interior.

–  Não guarde roupa que já não use na esperança de um dia a poder a usar.

–  Use o método “quente, morno ou frio”. Se o objeto for usado constantemente, ele é quente e deve ficar num local de fácil acesso, de preferência ao nível dos olhos e mãos. Se o uso for esporádico, pode ser guardado num lugar menos acessível, nas prateleiras e gavetas abaixo da cintura. E se o uso é raro, deve ser colocado em local de acesso mais difícil, como a prateleira mais alta.

 

Vantagens de organizar o roupeiro

–  A sensação de que não ter nada para vestir ou calçar já não existe

–  Saber exatamente as peças que estão em faltano guarda-roupa.

–  Não perder tempo à procura das calças “X” da cor “Y”.

–  Depois do roupeiro organizado, a melhor forma de continuar com tudo no lugar é a manutenção. Defina um lugar para cada coisa e, nunca se esqueça: usou, guardou!

 

Manuela Nunes

Arquiteta e Personal Organizer”

organização Manuela Nunes

BIO

 

Manuela Nunes, arquiteta com 20 anos de experiência profissional e com formação certificada em “Personal Organizer” pela OZ!, adora colocar a vida das pessoas INORDEM, procurando acima de tudo facilitar o dia-a-dia dos seus clientes.

Quando desenvolvia projetos de arquitetura de interiores usava o conceito de organização, pois para fazer um projeto que realmente desse resposta às necessidades dos clientes, tinha que fazer um inventário dos artigos existentes para que depois tudo ficasse prático e funcional.

Em 2011 iniciou a atividade de Organizadora Profissional, de maneira informal, através da prestação de serviços em residências. A experiência adquirida nesse ano e tendo percebido que em Portugal esse mercado era inexistente, decidiu criar a InOrdem – Home Organizer no início de 2012.

Acredita que é possível economizar tempo e ter um dia mais produtivo e tranquilo através da organização. Mas para isso, não espere comprar novos organizadores para organizar o armário, não deixe de colocar um projeto em prática porque acha que ele não está ainda bom. Muitas vezes o perfecionismo congela as pessoas e por medo de não conseguir fazer perfeito, nada se faz. Feito é melhor que perfeito. Comece.”

 

Credenciais:

– APOP – Associação Portuguesa de Organizadores Profissionais (membro fundadora)

– Arquiteta (membro da Ordem Arquitetos Portugueses)

– Técnico superior Higiene Segurança no Trabalho

#”Dicas de organização para facilitar a sua vida” por Manuela Nunes
Tagged on:                                                                                                 

Comentários

  • 27 Mai 2018
    Permalink

    Thanks so much for the post.Really thank you! Keep writing.

    Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *